BLOG DO SIMON

 Quais são os prós e contras da manutenção de carro pré-paga?

Quais são os prós e contras da manutenção de carro pré-paga?

Quando um consumidor compra um carro novo ou usado de um revendedor, eles podem receber um plano de manutenção pré-pago. Isso não é o mesmo que uma garantia estendida ou um contrato de serviço estendido. Um contrato de manutenção pré-pago é oferecido para carros novos sem um plano de manutenção com suporte de fábrica e para carros usados vendidos pela concessionária. Estes planos cobrem, por uma quantidade específica de tempo ou quilometragem, a manutenção programada especificada no manual do proprietário do veículo.

Para determinar se um plano de manutenção pré-pago é adequado para você, considere a seguinte lista de prós e contras.

*Preços com desconto

Um revendedor quer vender um plano de manutenção pré-pago para um cliente para ajudar a garantir um fluxo constante de clientes no departamento de serviços do revendedor e para cultivar relacionamentos com os clientes para manter seus negócios na próxima vez que comprarem um carro novo. Para tornar os planos de manutenção pré-pagos mais atraentes, os revendedores oferecem os serviços cobertos com desconto em comparação com os preços existentes.

*Uma trava nos custos de manutenção

Pagar por manutenção com antecedência significa que os custos do proprietário do carro não irão aumentar nos próximos anos, aumentando a estabilidade nos orçamentos domésticos. Além disso, um contrato de manutenção pré-pago pode ser adicionado ao valor que o comprador está financiando e rolado para o pagamento mensal, espalhando custos fixos de manutenção durante a vida do empréstimo do carro. Ao fazê-lo, no entanto, o comprador está efetivamente pagando juros sobre o custo da manutenção.

*Simplifica a vida

Os proprietários de carros ocupados podem preferir um plano de manutenção pré-pago porque isso significa que eles terão uma coisa menos a se pensar. Se a manutenção for paga, e só pode ser realizada no revendedor, e o revendedor notificará o proprietário do carro quando for o momento de fazer o serviço, não há decisões a serem feitas.

*CONTRAS

Enquanto um plano de manutenção pré-pago pode simplificar a vida, existem certas limitações. Por exemplo, na maioria dos casos, apenas a concessionária comercial pode realizar o serviço pré-pago. Tais restrições podem às vezes adicionar complexidade à vida do proprietário do carro. Além disso, os departamentos de serviços de concessionária geralmente são mais caros do que os prestadores de serviços franqueados ou a mecânica independente.

*Carros modernos não exigem muita manutenção

Exceto por inspeções detalhadas e serviços mais extensos em intervalos de 30 mil milhas, carros modernos requerem pouco mais do que mudanças de óleo e rotações de pneus. A maioria dos planos de manutenção pré-pagos não cobrem os itens de desgaste e, então, ao avaliar a sabedoria da compra, é importante comparar o custo do contrato com os requisitos do serviço do fabricante e o que esses serviços custariam em outros lugares. Antes de comprar qualquer plano de manutenção pré-pago, o consumidor deve primeiro saber o que é coberto, quais os intervalos de serviço recomendados pelo fabricante, o que a concessionária cobrará por esses serviços de acordo com o pagamento, e como muito esses serviços custam em um mecânico independente. Somente pesquisando essa informação e depois comparando o custo do contrato de manutenção pré-pago com o que os mesmos serviços custarão individualmente, um consumidor pode tomar uma decisão inteligente sobre a compra de um serviço como este.

Veja Também

Comentários